A música é um gênero em constante evolução, e Schoolboy Q representa muito bem este fato em seu novo álbum Crash Talk. Desde a sua estreia em 2011, com o álbum Setbacks, o rapper nativo de Los Angeles tem sido conhecido por seu estilo agressivo, suas letras sinceras e sua capacidade de mudar de ritmo. No entanto, em Crash Talk, seus ouvintes são apresentados a uma nova faceta artística do músico, com uma sonoridade mais refinada que não sacrifica sua identidade original.

O álbum começa com Gang Gang, uma faixa energética que mostra que Schoolboy Q ainda é capaz de dar aos seus fãs exatamente o que eles querem. Seguindo esta faixa, vem Tales, uma música que é sem dúvida uma das melhores do álbum e exemplifica a progressão musical do artista. A faixa é lenta e contemplativa, com um refrão melódico que evoca um sentimento de nostalgia. Drunk é uma música que apresenta uma sonoridade mais leve, com um toque de funk, onde Schoolboy Q exibe toda sua habilidade lírica, enquanto a colaboração de 6lack traz uma melodia R&B agradável.

Uma das faixas mais aguardadas do álbum é Water, que conta com a participação do ícone do hip hop Kendrick Lamar. A colaboração mostra que a amizade de longa data entre os dois rappers ainda rendeu bons frutos, e suas duas vozes soam incríveis juntas. A faixa Lies apresenta a colaboração do rapper Ty Dolla $ign, e é outra música lenta e emotiva que contrasta vagarosamente com outras músicas mais vigorosas presentes no álbum. Com 5200, a produção aparentemente eclética do álbum é bem evidente, já que a faixa utiliza um sample de jingle de comercial de cerveja no refrão, e Schoolboy Q cria um ritmo poderoso e enérgico.

Outro momento alto do álbum vem em Numb Numb Juice, um single que foi lançado antes do álbum e rapidamente se tornou um sucesso. O ritmo é rápido e frenético, e Schoolboy Q flui com facilidade sobre o som. A música é seguida por Drunk Driving e Floating, ambas as músicas têm participações especiais de artistas em ascensão, Lil Baby e 21 Savage, respectivamente, que acrescentam o sabor perfeito para o sucesso do álbum.

O clima melancólico e um pouco mais lento retorna com Attention, uma música mais minimalista que é a perfeita mistura de melodia e letras emocionantes. A colaboração com Travis Scott é apresentada na faixa CHopstix, onde os dois artistas criaram uma música cativante e moderna, que ainda tem uma pegada eletrônica. O álbum fecha com Overtime, onde o rapper continua seu desabafo emocional durante quase sete minutos.

Em resumo, Crash Talk é um álbum que prova que Schoolboy Q é um dos mais versáteis e talentosos rappers da atualidade, capaz de criar uma evolução musical única em relação ao seu som original. Com colaborações fortes e participações especiais igualmente excelentes, o álbum enriquece o repertório musical do artista e proporciona uma excelente experiência sonora aos fãs do hip hop.